Um dos problemas que é muito enfrentado no Brasil, mas nem sempre recebe a atenção devida, é a possibilidade de desenvolvimento de focos de incêndios que podem ocorrer em empresas, faculdades, hospitais e outros locais que costumam receber aglomeração de pessoas.

Para se ter uma ideia, de acordo com dados do Corpo de Bombeiro, por aqui, ocorrem anualmente cerca de 60 mil incêndios, incluindo os incidentes que acometem indústrias, comércio e edifícios.

O assunto é tão sério que um simples cigarro mal apagado na entrada de uma universidade, por exemplo, pode ser foco para um incêndio, colocando em risco à vida de centenas de pessoas.

Além disso, nem sempre é possível prever a intenção das pessoas e até mesmo controlar os fatores externos que podem ocasionar um foco de incêndio.

Impacto da falha no gerenciamento do sistema de incêndio

No caso do acidente de 11 de setembro, que ocorreu com as Torres Gêmeas, em Nova Iorque, tivemos um claro exemplo de um projeto mal planejado e integrado de segurança, que aumentou consideravelmente as chances do local ser alvo do atentado.

Além das falhas evidenciadas na construção dos edifícios e que o impediram de ser um empreendimento seguro em caso de incidentes, ocorreram problemas também no sistema automático anti-incêndio, com a constatação da não realização da simulação de incêndio.

Além disso, também houve uma falha de comunicação do FBI e da CIA, que não se atentaram ao planejamento do atentado, que ocorreu durante dois anos no próprio EUA.

Vale a pena investir no sistema de monitoramento de incêndio?

Hoje em dia, a tecnologia já possibilita uma perfeita gestão de incidentes para prevenir e combater focos de incêndio de forma antecipada e com rapidez. Em ambientes que recebem muitas pessoas é fundamental que haja um sistema de detecção e alarme de incêndio para evitar complicações em casos de incidentes.

Os sistemas de prevenção e combate a incêndio agem de forma a monitorar os ambientes por meio de detectores de fumaça, de aspiração, acionadores manuais, entre outros meios, permitindo que haja um controle preciso de ameaças.

Quando se trata de um foco de incêndio, poucos segundos são o suficiente para salvar vidas.

Porém, a partir do momento que sua empresa conta com um sistema que detecta, monitora e controla focos de incêndio, a agilidade para resolver o problema faz toda a diferença.

Preservação de memórias e informações

Outro ponto que vale refletir sobre a importância de investir em um sistema de monitoramento de incêndio que funcione com agilidade é que, muitas vezes, a perda ocasionada em situações de incêndios vai muito além de valores financeiros.

Dependendo da situação, são perdidas informações importantes sobre o negócio, históricos, documentos e até mesmo lembranças.

Sem contar a dor de cabeça que envolve todo o processo de reconstrução de uma área que foi destruída por um incêndio. Normalmente, o prejuízo vai além do valor ressarcido pelo seguro – quando ele existe.

Evite risco para sua empresa e funcionários. Consulte uma empresa preparada para oferecer uma solução completa de segurança ao seu negócio e invista numa solução de prevenção de incidentes.

seguranca

2020 © Seal Telecom